Menu

quinta-feira, 9 de agosto de 2012

Blogueiro da vez: Brenda Lorrainy


 A dona desse blog é desavergonhada, sim. Passa milênios sem postar a coluna Blogueiro da vez, mas tomou um cházinho de vergonha na cara e traz esse mês a entrevista com a fofíssima da Brenda, do blog Catavento de Ideias, um dos parceiros daqui do Garota das Letras! Confira o bate papo com a blogueira, super fofa! E não deixe de comentar!

1. Para começar, pode nos dizer quem é a Brenda?


 - Quando alguém me pergunta isso juro pra mim mesma que da próxima vez que perguntarem de novo vou conseguir responder. Mas bem, aqui estou eu mais uma vez pensando bastante antes de responder haha. Acho que sou uma pessoa sobretudo dedicada. Tanto as pessoas ao meu redor quanto aos meus objetivos. 

2. Quando você se descobriu leitora?

- Minha mãe como professora sempre gostou muito de ler e meu pai tinha uma banca de revistas então eu sempre sofri muita influência nesse sentido. Comecei lendo gibis da turma da Mônica e depois vieram aqueles livros fininhos de contos e fábulas. Eu lia os livros que a escola passava com gosto, e meu pai sempre me dava alguns outros da escola que ele também trabalhava. Mais ou menos com 9/10 ganhei os livros Pollyanna e Heidi da minha mãe, que acho que foram os divisores de águas entre uma Brenda que gostava de ler e uma Brenda viciada nos livros. Aos meus 11 anos veio a explosão realmente, viciei em livros de Pedro Bandeira e na coleção vaga-lume que lembro de ter devorado 28 volumes num período de férias da escola. Agora os livros mais grossos mesmo, vieram com meus 12 anos. A tão desejada coleção Harry Potter, a série Diário da Princesa e a coleção Desventuras em série.

3. Quando surgiu a vontade de criar um blog literário? E de onde veio, o nome, Catavento de Ideias?

- Eu estava em Janeiro de 2011 no Tumblr, quando vi uma menina postando sobre o blog dela o "Ratas-de-biblioteca", curiosa com o título entrei e fiquei maravilhada. Era o primeiro blog literário que eu conhecia! E a partir dele que pude conhecer toda blogosfera literária. Parecia um sonho porque eu nunca tinha conhecido pessoas que amassem tanto ler quanto eu. No mesmo mês decidi que também queria, ou melhor precisava ter um! Era minha melhor possibilidade de poder compartilhar sobre os livros que tanto amava e ainda fazer amigos que conseguiam entender tão bem o sentimento da leitura. De Janeiro a julho mais ou menos fiquei ora adiando a ideia, ora pesquisando sobre serviços como domínio, hospedagem e uma pessoa a quem pudesse encomendar o layout. Em agosto já estava apenas na espera pelo Layout encomendado com a Gi do blog Ispirazione. O título Catavento de ideias veio depois de pensar muuuuito. Porque eu não queria que o título tivesse a palavra "livro" ou alguma relação com "literário" para o conteúdo não ficar restrito ao título. Um dia pesquisando nomes de blogs li um que começava com "Ca", e na hora veio a palavra Catavento. Reli de novo o nome do blog (que não lembro agora qual era) torcendo para a palavra ter vindo realmente da minha cabeça e não que eu tivesse lido. Para meu alivio sim. Botei na cabeça que o título tinha ter "Catavento" e depois de uma semana de várias combinações com o "Catavento" me decidi que tinha ser "de ideias". Até hoje eu sou super babona pelo título porque acho criativo e fofo.

4. Quais foram suas dificuldades no início do blog?

-A dificuldade inicial foi se acostumar com o ritmo de postagens para o blog estar sempre atualizado. Ao mesmo tempo que eu comentava muito em vários blogs para torna-lo conhecido. Uma outra coisa que desde o inicio e até agora sempre me preocupo é expressar com bastante clareza minhas opiniões e dar o melhor de mim em todos os posts. Afinal os leitores só voltaram se gostarem do conteúdo do blog.

5. Para você, o que um blog de sucesso tem de ter?

- Um blog de sucesso para mim, tem que ter textos bem escritos, frequência de posts e uma grande pitada de criatividade. Só assim ele terá um diferencial em relação aos outros! 

6. Quais as melhores,  e as piores coisas da blogosfera literária?

- O melhor da blogosfera é esse sentimento de não estar sozinho no seu hobbie favorito. De poder discutir a vontade sua opinião sobre determinado livro. E ainda conhecer outros milhões de livros que você ainda vai querer ler. Hoje não consigo me ver de nenhum forma longe desse universo. 

Mas acho que o que vem me desagradando na blogosfera são alguns blogs que sugiram ou estão surgindo apenas com interesse em ganhar livros de graça. É triste saber o quanto eles perderam o foco sobre qual deveria ser o objetivo principal da criação do blog. Também fico incomodada com o sentimento de competição que existe entre alguns blogueiros sobre a quantidade de livros lidos. As pessoas estão perdendo a noção de que a leitura deveria ser um um hobbie saudável, ou até mesmo um vício. Mas que a vida não para aí. Ninguém pode viver só de leitura.

7. Como você organiza seu dia? Qual sua fórmula para conseguir ler, postar, estudar, trabalhar, sair com amigos e etc?

- Ultimamente tenho bastante tempo vago porque minha universidade está de greve então só tenho meu curso de inglês durante parte da tarde. Mas quando estou em aula, nossa! É meio maluco e insano, porque vou de manhã pra faculdade, depois passo direto pro curso de inglês e como moro meio longe deles, só chego em casa de 04:30. Quando já estava morta e cheia de trabalhos pro curso e faculdade, ainda tendo que fazer postagens pro blog. Eu tentava então organizar o máximo de postagens nos finais de semana e ao longo da semana ia só completando o que faltasse. Meu horário de leitura ficou bastante reduzido. Lia mais ou menos 2h contabilizando os percursos dos ônibus e metrô(quando eu consigo ir sentada haha) e mais ou menos 1h antes de dormir. Sair com os amigos só em finais de semana mesmo.

8. Qual foi o primeiro livro que você leu? Se lembra? 

- Eu não lembro bem, mas lembro o primeiro Gibi, serve? haha Foi um almanaque do Cebolinha que li aos 4 anos e tenho até hoje <3. 

9. Tem alguma capa de livro favorita?

- Difícil, por que tenho várias favoritas. Mas hoje fico com a capa de "O chá do amor" que mesmo nunca tendo visto o livro pessoalmente acho uma perfeição.

10. Já passou por alguma situação engraçada, ou constrangedora por causa dos livros?

- Eu sempre pago alguns micos básicos tentando ver as capas do que o pessoal está lendo nos ônibus. E teve uma vez que tinha um homem sentado lendo "O mar dos monstros" do Rick Riordan eu tava em pé do lado dele, aí vi quando ele terminou. Sendo que eu não consegui me conter, cutuquei ele e disse: E aí gostou? Ele olhou meio espantado e disse: aham. Aí eu: huum, ok. kkkkkk

11. Se pudesse trazer a vida, um personagem literário, qual escolheria?

- Vários haha. Mas tenho um xodó super especial com a Mia Thermopolis de O Diário da princesa, ela é umas das personagens que mais se parecem comigo. Seria perfeito poder conversar com ela.

12.  Se sua casa pegasse fogo e você pudesse salvar apenas 5 livros de sua estante, quais seriam? 

- Crueldade esse tipo de pergunta! Mas acho que salvaria Heidi, por ser de uma edição rara e pelo imenso valor sentimental que tenho por ele, Noite sem fim da Agatha Christie por ser um dos livros mais surpreendentes que já li, O primeiro volume de O Diário da princesa, o primeiro de Desventuras em série (Mau começo), o 6 de Harry Potter, ah e deixa mais um vai? Se houver amanhã do Sidney Sheldon. A maioria dos que eu citei nem são meus livros favoritos, mas salvaria pelo que eles representaram em algumas épocas da minha vida.

13. Que livro você gostaria de ver adaptado, nos cinemas?

-A série Academia de Vampiros! Mas só se o filme fosse BEEEM fiel. E o livro Noite sem fim da Agatha Christie.

14. Cite três blogs que você goste, que lhe inspire!

      - Minha vida por um livro, da Marina Moura, por sempre ter resenhas maravilhosas
      - Book - addict da Duda, por muitas vezes mudar totalmente minha opinião de livros que eu julgava serem chatos.
      - E claro O Garotas das letras, por além de ter resenhas inspiradoras sempre ser criativo <3

15. Jogos Vorazes ou Academia de Vampiros?

- My GOD isso é maldade com a minha pessoa. Não consigo escolher porque as duas series disputam o 2 lugar em meu coração( o primeiro lugar é Harry Potter).

Responda: 

Seu autor favorito: Agatha Christie, Sidney Sheldon
Um livro que lhe marcou: Noite sem fim (Agatha Christie)
Um casal literário: Rose e Dimitri ( de Academia de Vampiros)
Um livro que lhe fez chorar: A cidade do sol
Um personagem: Augustus de ACEDE* ( A culpa é das estrelas )

Gostou da Brenda? Então corre e acessa o blog dela! Catavento de ideias.com

*Blogueiro da vez é uma coluna mensal, em que entrevisto um blogueiro literário.

2 comentários:

  1. Adorei a entrevista, adoro o Catavento de Ideias e achei bem legal conhecer um pouco mais sobre o blog, além de um pouco sobre a Brenda também!

    Beijo;*
    Naty.

    ResponderExcluir
  2. Awnnn! Fazia um tempão que não vinha aqui (vergonha *.*) e quando venho, vejo logo essa entrevista com a Brenda, e então, OMG! ela me citou *.* Que hiper fofa, gente! huahau
    Adorei a entrevista! Acho que somos parecidas em muitos sentidos, principalmente nos gostos maiores como a Agatha e o Sidney Sheldon! Se Houver Amanhã também ocupa lugar de destaque para mim, é ótimo e o primeiro livro adulto que li (tinha 12 anos e ainda me lembro de como fiquei fascinada pela história). Gosto muito do Noite Sem Fim também, o final é surpreendente mesmo kkkk Mas quando o assunto é Agatha, a gente sempre espera o inesperado.
    Eu adoro o nome Catavento de Ideias, é bem criativo, de verdade!
    Acho que ia ficar louca se tivesse que escolher só 5 num incêndio, mas também iria optar por aqueles com maior valor sentimental. Também ADORO a série Vagalume, um dia desses pensei em comprar todos, mas fiquei impressionada quando fui pesquisar e vi o quanto eles são caros huahua
    Beijão, meninas!

    ResponderExcluir