Menu

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Especial - Olimpíadas Londres: Dicas de Leitura

 
Não deu para ir para Londres acompanhar os jogos olímpicos? Ou você sempre quis conhecer a capital inglesa? Não chora caro bookaholic! Que tal fazer uma viagem literária? Pois o Garota das Letras depois de te apresentar os maiores autores britânicos te dá sugestões de destinos e pessoas interessantes que você conhecerá caso viajar pela imaginação, por meio dessas histórias, abaixo. Confira as dicas de leitura e compre logo sua passagem, quer dizer, seu livro!


UM DIA: Dexter Mayhew e Emma Morley se conheceram em 1988. Ambos sabem que no dia seguinte, após a formatura na universidade, deverão trilhar caminhos diferentes. Mas, depois de apenas um dia juntos, não conseguem parar de pensar um no outro. Os anos se passam e Dex e Em levam vidas isoladas - vidas muito diferentes daquelas que eles sonhavam ter. Porém, incapazes de esquecer o sentimento muito especial que os arrebatou naquela primeira noite, surge uma extraordinária relação entre os dois. Ao longo dos vinte anos seguintes, flashes do relacionamento deles ( ... )

Um dia, vinte anos, duas pessoas, Em e Dex, encontros e desencontros, altos e baixos, alegrias e tristezas, duas vidas que mesmo distante sempre estão unidas. Só peço que: leiam, leiam, leiam! Um livro sensacional, um banho de emoções, uma narrativa sem igual dois personagens apaixonantes, uma viagem pela Inglaterra e outras partes do mundo. Lindo, favorito! <3

A PRINCESA LEAL: No imaginário popular, Catarina de Aragão é vista como a rainha desprezada por Henrique VIII, a nobre trocada por Ana Bolena, plebéia da corte dos Tudor. O livro recria a infância e a juventude da infanta de Espanha. Criada no palácio de Alhambra, em Granada, Catarina fora prometida aos 3 anos de idade a Artur, príncipe de Gales. No entanto, a morte prematura do jovem após o casamento, fez com que Catarina se unisse a Henrique VIII, irmão mais novo de Artur. A partir de um dos episódios mais singulares da história inglesa, Phillipa Gregory nos oferece uma romance delicioso. (...)

Para os amantes de história, eis o livro perfeito. A princesa leal, o aclamado romance sobre a rainha Catarina, primeira esposa de Henrique VIII, aquela que foi trocada por Ana Bolena. O primeiro livro da série Os tudor, que diverte e vai afundo nas raízes da história inglesa, transpondo para a  ficção um período, fatos e personagens reais que marcaram o mundo.

FAZENDO MEU FILME 2: O segundo volume do livro Fazendo meu filme apresenta as aventuras de Estefânia Castelino Belluz na terra da rainha. Sim, na Inglaterra! Longe do grande amor, ela passa por momentos de alegria, dor, saudade, tristeza e, mais do que isso, pode conhecer melhor a si mesma. Sem deixar de lado suas amigas inseparáveis e sua família, ela consegue, no outro continente momentos cheios de suspense, revelações, aventuras, descobertas e emoções fortíssimas! Feliz, triste, preocupada, ansiosa, temerosa, otimista, insegura, cheia de si, apaixonada ( ... ) 

Mesmo se não leu o 1º volume de FMF leia o 2 e venha conhecer a mineira Fani e acompanhar sua viagem de intercâmbio para Londres! Que garota não queria ter sua sorte? Estudar na terrinha da rainha, vivendo no ritmo da badalada capital inglesa, com metade do coração no Brasil, com Leu <3 e outra metade na Inglaterra com Cristian hahah ops! Chick lit nacional mais do que recomendado!

ANJO MECÂNICO: Anjo mecânico apresenta o mundo que deu origem à série Os Instrumentos Mortais. Nesse primeiro volume, que se passa na Londres vitoriana, a protagonista Tessa Gray conhece o mundo dos Caçadores de Sombras quando precisa se mudar de Nova York para a Inglaterra depois da morte da tia. Quando chega para encontrar o irmão Nathaniel, seu único parente vivo, ela descobrirá que é dona de um poder que capaz de despertar uma guerra mortal entre os Nephilim e as máquinas do Magistrado, o novo comandante das forças do submundo. ( ... ) 

Um sobrenatural com pano de fundo a Era Vitoriana, a história da Tessa e os Caçadores de Sombra, o prequel da série os Instrumentos Mortais, os fãs de Cassandra Clare piram e os não fãs também, pois apesar de seguir o mesmo ritmo de Instrumentos Mortais e estar vinculado á série, o livro tem vida própria, seu charme. 

O CHÁ DO AMOR: Falta um ano para que o jovem casal de namorados, Fiona e Joe, realize seu grande sonho – casar-se e abrir a própria loja de chá. Depois de tantos anos economizando cada centavo, tudo indica que, finalmente, estão próximos do final feliz. Mas o que parecia pouco tempo se transforma em uma eternidade quando uma série de trágicos e dolorosos acontecimentos se interpõe na vida deles, e eles se distanciam cada vez mais um do outro. Fiona vai para a América, no que considerava a sua maior aventura. Mal sabia ela que não há aventura maior que o amor. ( ... )

Puro amor, perfeição, isso que O chá do amor, é. Uma viagem deslumbrante á Londres da revolução industrial, das grandes fábricas, dos sofridos sindicatos, de Jack Estripador, do chá, de Fiona Finnegan e seu sonho. Leia, volte á 1888 e se encante por essa história, mas cuidado, pois depois de conhecer a magia de O chá do amor, não queremos voltar.

A CASA DAS ORQUÍDEAS: Quando criança, a pianista Júlia Forrester passava seu tempo na estufa da propriedade de Wharton Park, onde flores exóticas cultivadas pelo seu avô nasciam e morriam com as estações. Agora, recuperando-se de uma tragédia na família, ela busca mais uma vez o conforto de Wharton Park, recém-herdada por Kit Crawford, um homem carismático que também tem uma história triste. Quando um antigo diário é encontrado durante uma reforma, os dois procuram a avó de Júlia para descobrirem a verdade sobre o romance que destruiu o futuro de Wharton Park ( ... )

Me arrancou lágrimas, com sua Wharton Park, a mansão perdida no meio da Inglaterra guardando tantas dores e segredos. Conhecemos 2 gerações, voltamos á Segunda Guerra mundial e também vemos o presente, com os personagens que são consequência daqueles que passaram por ali antes e tanto amaram, sofreram, erraram. Amor, segredos, ódio, Inglaterra, Tailândia, drama...

VOCÊ TEM MEIA HORANo réveillon, Bia é abandonada por Arthur, o namorado de 3 anos com quem já morava há dois e pretendia se casar em um. À beira dos trinta, isso é uma tragédia, pois o que era para dar certo já tinha que ter dado e o que deu errado não dá mais tempo de consertar, ou seja se não se casar até os trinta, Bia estará condenada ao calabouço da solteirice, brigando pelo buquê nas festas de casamento e conhecendo homens que mentem a idade, o estado civil e a foto na internet. Mariana acha que a melhor amiga está exagerando, pois até um pé na bunda te  ( ... )

Outro chick lit nacional, mas dessa vez não é nenhuma Fani que vai para Londres para fazer intercâmbio, e sim Bia, a aeromoça que vai para a cidade para espairecer, esfriar a cabeça e se encontrar. Quer lugar melhor que Londres para uma coisa dessas? Passeando por todos os lugares lindos e famosos da capital, pensando na vida? huuum! Leiam!

JONATHAN STRANGE E MR. NORREL: A prática da magia foi considerada extinta da Inglaterra desde os tempos medievais do Rei Corvo. Em 1806, aqueles que se intitulam magos são apenas estudiosos da história da magia. Mas, um dia, dois desses magos teóricos resolvem investigar os motivos do desaparecimento da magia. E assim conhecem Mr. Norrell, um mago recluso que desafia a todos ao mostrar seus poderes. Para provar que a magia ainda existe, Mr. Norrell reúne os magos teóricos na catedral de York e faz com que as estátuas de pedra comecem a falar. Em troca exige a  ( ... )

Magia, mistério, bruxos e feitiços. Inglaterra do século XIX. Um livro de fantasia imperdível, rico em detalhes. Uma blogueira chegou a falar que esse seria um livro de história da magia que Hermione pegaria na biblioteca de Hogwarts, que esse é uma espécie de Harry Potter do passado, então, já deu para ver o quanto é bom né! 

LUGAR NENHUM: Richard Mayhew, um jovem escocês que vive uma vida normal em Londres. Tem um bom emprego e vai se casar com a mulher ideal. Uma noite, porém, ele encontra na rua uma misteriosa garota ferida e decide socorrê-la. Depois disso, parecer ter se tornado invisível para todas as outras pessoas. As poucas que notam sua presença não conseguem lembrar exatamente quem ele é. Sem emprego, noiva ou apartamento, é como se Richard não existisse mais. Pelo menos não nessa Londres. Sim, porque existe uma outra - a Londres-de-Baixo. Constituída de uma espécie de (...)

Lugar nenhum não nos traz a Londres do Big Ben, a  comum, mas a Londres de Baixo. Sim, existem duas Londres! Que fica debaixo da terra, um labirinto subterrâneo, cheia de estações de metrô abandonada, onde vivem monstros, assassinos, monges e toda a sorte de maus elementos. E você? Teria coragem de conhecer essa outra face da amada Londres? 

E é isso pessoal, nosso pequeno especial termina aqui! Espero que tenham gostado. E se você quer mergulhar no espírito de Inglaterra, se quer uma boa leitura, diversão + cultura não hesite em ler alguma das dicas acima! Inclusive logo logo teremos resenha de O chá do amor, um belíssimo livro que tive o prazer de ler! Aguardem! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário