Menu

terça-feira, 17 de junho de 2014

Resenha Travessuras da Menina Má











'' Que breguiçes me dirá hoje, Ricardito? ''

Perversamente delicioso, eis como defino Travessuras da menina má de Mario Vargas Llosa, livro que acidentalmente veio parar em minhas mãos  e acabou  sendo uma das melhores leituras do ano ate o momento. Em apenas 3 dias devorei as muitas páginas da obra que narra a história curiosa de Ricardo, ou Ricardito, tradutor peruano que desde a infância sonha em viver em Paris e é atormentado por amar Chilenita/lily, mulher de personalidade traiçoeira, disposta a tudo por uma boa vida. Ela surgiu na vida de nosso herói ainda nos anos 50, quando o menino vê sua vidinha pacata na remota Miraflores mudar ao se apaixonar pela Menina Má, bela, misteriosa, fria,  auto entitulada estrangeira, a primeira de suas mentiras. Durante décadas,  o bom menino, sofre nas mãos da dita cuja e vive uma história de amor adorável e terrível que percorre o século passado, feita de encontros e desencontros malucos e improváveis dos dois nos quatro cantos do mundo.

Vejam só, eu que nada esperava do livro fui mais uma vítima da Menina Má: logo que engatei a leitura senti que seria especial, uma dessas histórias que fazem a gente sofrer, sorrir feito besta e enfim nos deixa orfãos no final das centenas de páginas. Travessuras da menina má foi uma experiência extremamente agradável, tem um fresco próprio, posso entender os motivos que o levaram a ganhar o premio Nobel  e o coração de  leitores ao redor do planeta.

Primeiramente o autor tem uma escrita primorosa, fluída e gostosa de ler. O livro é bem construído,  sólido e dotado de conteúdo, não se torna massante hora nenhuma, muito pelo contrario: eis aqui uma narrativa harmoniosa, bem ritmada e humorada. Através das andanças e desventuras de Ricardito, temos um panorama do mundo durante a segunda metade do século XX. O leitor passeia pelo Peru e a luta de seu povo por dias melhores, é levado até Paris, lar eterno de sonhadores solitários, embarca para o Japão de mafiosos,  a Espanha, a Londres louca e psicodélica dos anos 70  cheio de minissaias, beatles, hippies e AIDS. Além disso, Llosa nos presenteia com pinceladas sutis sobre diversos temas como pobreza, política  e até mesmo a solidão.

A forma como o amor é retratado é também um dos pontos altos da obra e se aproxima muito da visão mostrada sobre a própria vida. Aqui o sentimento é dor, é doentio e o obscuro, é o prazer e a decadência. O romance entre Ricardito e a Menina Má é o que de mais insano e fascinante já li. Me deliciei com cada bom momento dos dois e cada aparição maluca e cruel da Menina Má, personagem singular. Seu jeitinho malicioso e canalha coloriu a trama e me divertiu imensamente. Por mais que a dita cuja não tenha coração, seja maquiavélica, calculista e todos os adjetivos ruins que existir, me ganhou por ser assim: uma mulher que muito apanhou da vida e não permite amarras, sem remorsos fere a quem se colocar em seu caminho rumo ao dinheiro, o conforto.

Travessuras da Menina  Má de Mário Vargas Llosa é essencial para quem quer descobrir a boa literatura latino-americana. Nostálgico, romântico, picante e por vezes obsceno, esse é um livro completo, dolorido e paradoxalmente divertido que traz a história  inacreditável de um amor tumultuado e eterno. O livro é o mais novo integrante da minha lista de favoritos, não tem nem uma semana que finalizei a leitura e já sinto saudades de Ricardito e a icônica Menina Má, a partir de agora, velhos amigos meus. Leiam, isso é tudo, é um apelo. 


Travessuras da Menina Má

Informações:
Editora: Alfaguara
Páginas: 302
Ano: 2006
Nota: 5/5 ♥

3 comentários:

  1. Sua resenha ficou espetacular! Fico feliz em saber que o livro não tem partes maçantes (isso realmente não me agrada em um livro). Já acrescentei ele à minha "breve" lista de livros :) Rsrs

    Adorei conhecer seu blog! Me identifiquei bastante com ele :D
    Seguindo aqui, flor! ><
    Beijão! :*

    BLOG >> Kiss of Gloss

    ResponderExcluir
  2. Ola,
    Sou blogueira e escritora e estou lançando meu primeiro livro pela Amazon entitulado Vingança Mortal. Gostaria de te convidar a conhecer um pouquinho mais do mesmo no link a seguir:
    http://leiturakriativa.blogspot.com.br/2014/07/super-novidade-vinganca-mortal-de.html
    Desde já agradeço a atenção e com certeza retribuirei os comentário.
    Beijos
    Raquel Machado
    Leitura Kriativa

    ResponderExcluir
  3. Eu amo literatura latina! Amei sua resenha, me fez querer ler e me apegar a menina má, desejando esse livro!

    www.vestindoideias.com

    ResponderExcluir