Menu

terça-feira, 28 de maio de 2013

Papo Sério: A falta de tempo x Leitura

Falta de tempo. Eis o pesadelo de todos os leitores. De todo ser humano do século XIX. Corremos com compromissos, escola, trabalho, academia, serviços domésticos, inglês... e no fim da semana não sobra um mísero tempo para leitura, o lazer que seja. O que fazer  com essa triste realidade?


Minha vida está um caos. Terceiro ano, estudando loucamente, fazendo cursinho a noite, com o desafio de perder alguns quilinhos ( que estou cumprindo ) além do temível vestibular. Quem chega a minha cidade vai me ver por ai, andando, com uma mochila das costas e fone de ouvido! Pura correria! Mas e ai Geovanna como você consegue ler?

Fazendo milagre! Não, é simples. Tentando encaixar leitura nos meus horários vagos! Tem dado certo, já li 11 livros esse ano! ( Nossa, mas tem gente por ai já leu 20,30 livros... ) Pois é, não sou uma máquina! Uma coisa que acho importante é, termos noção da realidade. 2013 é um ano decisivo para mim, em vários sentidos e meu foco está longe de ser os livros. Infelizmente falta tempo, a pressão é muita e não posso viver como em 2011, apenas para os livros!


Mas voltando a minha estratégia de leitura (  Uma conversinha com Hermione seria ideal também, pois a guria, óh, tem experiência... #viratempo! ) Leio naquele tempinho sobrando na escola, em aulas e educação física vagas ( é, escola pública é assim ) leio na esteira na academia e uns 40 minutos quando volto da mesma,  durante aquela aula opcional de espanhol no cursinho, e se a leitura está muito boa fico acordada uma meia horinha depois de chegar a noite do pré-vestibular. Aliás, sextas feiras quando posso é uma delícia ficar das 11 até 1 da manhã só lendo, assim como fins de semana fico quietinha só nos filmes, livros e internet.

Ainda assim não entendo como tantos bookaholics leem dezenas de livros por ano! Leio relativamente rápido, mesmo com a rotina apertada, mas nada se compara aos 80,90 livros de muitos. Acredito que muitos leitores leem nas horas que passam em ônibus, congestionamentos, porém aqui, em Frutal não tem disso, faço o que posso para fazer a leitura render.

Um dos pontos positivos da guerra falta de tempo x leitura é que fico cada vez mais seletiva. Sempre fui cri-cri com minhas escolhas, chata mesmo, do tipo que fica um mês inteiro decidindo se vai ler ou não um título, mas como meu tempo é curto e não tenho money sobrando para compras e mais compras, tenho que fazer os poucos livros que leio valerem a pena. E tenho só me surpreendido. Meu lema é qualidade em primeiro lugar, e se olhar por esse lado, a quantidade nem me faz tanta falta. Estou comprando e lendo menos mas me deliciando com histórias inesquecíveis, andando por bibliotecas daqui, pegando livros emprestado e já achei muita coisa incrível! 

Então se você sofre com o problema do tempo não se desespere! É tudo uma questão de força de vontade, de CRIAR seu próprio tempo! Anote em um papel todos seus horários vagos, mesmo que sejam poucos e tente encaixar a leitura nesse tempo, pense em soluções para agilizar suas tarefas de todo dia para que você possa se divertir um pouquinho! Busque sempre livros extraordinários que marquem, assim mesmo que você ler pouco esse pouco valerá muito mais que 1.000 livros. Mesmo assim se não tiver muito espaço para livros em sua rotina tente entender, nossa vida muda, cada época temos uma prioridade, talvez a leitura não seja o que mais necessite sua atenção agora! 


E vocês? Qual sua opinião sobre o tema? Como faz parar ler no seu dia a dia? Comente!

2 comentários:

  1. Eu sofro muito desse mal! Falta tempo e sobra vontade de ler! Muito interessante a forma que você tratou o tema Geovanna! Gostei do post e do blog!

    Maria Antônia Silveira - Ribeirão Preto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, valeu Maria! E o problema do tempo acho que quase todo mudno tem, não só leitores, tem que ter muita organização pra separar um tempinho para leitura, mas se quisermos damos um jeito!

      Excluir