Menu

sábado, 18 de agosto de 2012

Coluna da Cynthia: Resenha - Mordida


Autor: Meg Cabot
Editora: Galera Record
Ano: 2012
Onde comprar: Submarino - Saraiva
Classificação: ( 3/5 ) ♥ favorito!


Sinopse: " O poder especial de Meena Harper finalmente será valorizado. A Guarda Palatina - uma poderosa unidade secreta que caça demônios - a contratou para trabalhar na filial de Manhattan. A questão é: seu ex-namorado, Lucien Antonesco, é filho do Drácula e o príncipe da escuridão. Tudo bem, Meena decidiu que já chega de vampiros em sua vida... Ao menos até que consiga provar que, mesmo não tendo alma, os seres demoníacos não perderam a capacidade de amar."


Céus, que resenha mais complicada de se fazer! Mas enfim, os leitores que me seguem no twitter ou mesmo os que me tem no Facebook sabem que idolatro Meg Cabot, sempre gostei do seu jeito de escrever, seus personagens e principalmente de seus "garotos". 
Depois que recebi Mordidacontinuação de Insaciável, para análise, fiquei muito ansiosa, afinal,Insaciável havia sido ótimo!


Neste segundo volume e provavelmente o ultimo da série, Meena Harper está trabalhando para aGuarda Palatina, um órgão secreto do Vaticano, ao lado de Alaric Wulf, aquele cara irônico e lindo, que odeia os vampiros e que quer de qualquer forma matar Lucien Antonesco, o filho do Drácula e ex-namorado de Meena. Só que quando Meena e Alaric descobrem que uma série deturistas estão desaparecidos e nenhum corpo ainda foi encontrado, a Guarda Palatina desconfiam que o assassinato destes tem alguma coisa relacionada com os vampiros. Mas ainda sim Meena quer provar para todos, especialmente para Alaric que todos podem escolher entre obem e o mal, inclusive Lucien.

Antes de começar a ler Mordida, eu já havia lido algumas resenhas beeeeem negativas sobre o livro. Após o termino, sim, eu havia concordado com as críticas que Meg Cabot recebeu. No final MUITAS e muitas coisas foram mal explicadas e terminadas de um jeito não convincente. Deu a impressão que Meg quis acabar logo de escrever a série, deixando o livro com uma impressão ruim. Além disso Mordida perdeu aquela escrita de forma irônica e super engraçada sobreVampiros.
Mas você deve estar se perguntando: se estou falando tão mal assim do livro, porque eu marquei como favorito ali na classificação? O fato é que por mais que Meg tenha cometido todos esseserros que citei acima, Mordida me deixou com um misto de emoções. O volume fez meu coração bater mais rápido e até me fez chorar. O final me deu um aperto no coração e por mais queMUITOS discordem de mim, eu gostei do desfecho que Meg deu para os personagens, acho que se não houvesse acontecido aquilo, o livro perderia seu "charme".

Mordida pode ter sido decepcionante para a maioria dos leitores em que eu havia lido as resenhas, mas para mim ele vai ser um livro memorável (de uma maneira boa) mesmo com as falhas que Meg Cabot cometeu. Espero que eu tenha sido convincente e que tenham me entendido.

                                     Resenha de: Cynthia Mishima

    2 comentários:

    1. Eu ainda não li Insaciável :S quero ler hehe

      http://simplesmenteassimj.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
    2. Eu li "Insaciável" e "Mordida" e fique literalmente MALUCA! Adorei, do começo ao fim (principalmente por que Meena ficou, no final, com quem eu queria que ela ficasse...)
      Assim como quando li a série "A Mediadora" e "O Diário da Princesa".
      Tenho que deixar claro que sou a-p-a-i-x-o-n-a-d-a pelos livros da Meg! Para mim, ela está no topo na lista de melhores escritores do mundo, do ladinho de J.K Rowling (rainha, escritora de Harry Potter) e Rick Riordan (Percy Jackson e outros).

      Recomendo esses três deuses da escrita pra TODO O MUNDO!!

      ResponderExcluir