Menu

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

4 livros para ler antes de morrer e um para NÃO ler mesmo em caso de vida ou morte!

Ei, não se assustem com o título do post! Esses quatro livros nada mais são do que indicações, quatro leituras que me marcaram e mudaram e caro leitor, você não pode deixar de lê-los! Por isso o "ler antes de morrer!" Ainda há um título que NÃO recomendo de maneira nenhuma, pra você abrir o olho e passar bem longe dele em prol de sua própria segurança! Então, vamos aos livros para ler antes de morrer!?


Morro dos Ventos uivantes - Emily Bronte


Confesso que nem sempre fui fã assumida desse livro. Parecia faltar algo que o tornasse tão especial, porém o tempo passou, amadureci e percebi o quão grandioso O morro dos ventos uivantes é. Mais que uma estória de amor, o livro fala de sentimentos. Bons e principalmente ruins. Fala de erros, ódio, orgulho, arrependimento, infelicidade, fala de um amor doentio que destrói tudo e todos ao redor. A obra de Emily ainda trata da maldade humana, de classes sociais, injustiças. Do quanto as coisas por qual uma pessoa passa pode modificá-la, pode influenciar sua personalidade. Esse livro, faz honra ao status de clássico, a autora merece todo o reconhecimento que tem, pois  conseguiu tornar uma estória perturbada, em uma fascinante. Criou personagens intrigantes e polêmicos e tornou-os em lendas. Ela escreveu um livro sem igual. Intenso e excelente, do tipo que não se encontra todo dia por aí.





Trilogia Princesa Sultana - Jean P. Sasson

Essa indicação não é de um livro apenas e sim, três. A trilogia Sultana conta aparentemente a história real de Sultana, nome fictício de uma princesa árabe que apesar de todo o luxo e dinheiro o qual vive cercada nunca teve uma vida feliz. Desde a infância até a fase adulta acompanhamos sua sofrida vida em uma cultura machista que abomina e é extremamente cruel com suas mulheres. Conhecemos o dia-a-dia, a intimidade, sofrimentos de Sultana e de todas as mulheres muçulmanas atormentadas por abusos e injustiças. Uma realidade que choca e revolta ocidentais, principalmente nós, do sexo feminino, dada nossa condição, livre e totalmente diferente daquela vista na trilogia e ainda hoje no Oriente Médio! Uma estória real que me emocionou, arrancou lágrimas, chocou e fez refletir sobre o mundo, as mulheres, sobre diferenças culturais, injustiças e até sobre minha vida! Princesa Sultana, sua vida sua luta é um banho de cultura islâmica, superação e coragem. Uma estória que sempre estará em mim, espero que vocês possam lê-la, são três livros grandiosos, que marcam e fazem realmente a diferença em sua vida. 



O Caçador De PipasCaçador de pipas - Khaled Hosseini

Mais um livro forte. A história de dois meninos, dois amigos vivendo  no Afeganistão caótico da década de 70, marcado por desigualdades, conflitos militares e étnicos que muda a vida desses dois meninos, Amir e Hassan. Embora seja uma estória trágica, e como já disse, realmente forte, Caçador de Pipas consegue ser comovente e encantador, inocente e delicado como uma criança, aliás, é Hassan, um menino de lábios leporinos e um coração do tamanho do mundo, é o ponto alto do livro. Leia-o, conheça esse personagem único e essa bonita estória que não se arrependerá! Dou minha palavra!





A menina que roubava livros - Markus Zusak


Enfim, minha última recomendação. Novamente um livro histórico que tem uma carga emocional fortíssima. Conta a vida da pequena Liesel na Alemanha nazista em plena segunda guerra mundial, conta seus momentos ao lado do melhor amigo e maior companheiro Rudy, as aventuras por qual eles passam, os roubos, inclusive de livros que praticam. Narra seus momentos ao lado do judeu Max,  as noites em claro aprendendo a ler com seu amado pai adotivo entre vários outras partes de sua vida em meio á tensão da guerra. O diferencial do livro não são os acontecimentos e sim a forma como que a estória é narrada, totalmente diferente de tudo que já li, indescritível. O autor tem um estilo único, poético. Só para vocês terem ideia, quem conta estória é a morte  a partir dos encontros que ela teve com a menina que roubava livros. Esse livro é incrível demais! Merece ser o best-seller que é, magnífico, crítico, uma descrição minuciosa da 2ª guerra, uma estória que é pura emoção, além de trazer reflexões sobre a guerra,vida, morte e o ser humano.


Um Lixo que nem deveria ter sido escrito: HALO! BLÉÉÉ! Me segura que vou vomitar!


Pensa num livro que é descaradamente cópia de Crepúsculo, onde invés de uma Bella sonsa e humana, temos uma versão ANJA dela, Bethany, que do ser forte e celestial que devia ser não tem nada! Invés de Edward, temos Xavier, um garoto tão perfeitinho que entedia o leitor e não se mostra nada mais além disso, um sem sal. Temos também uma imitação de família Cullen, com Gabriel e Isys, dois anjos chatos e insignificantes pra estória que é morna, sem graça, mal desenvolvida, lotada dos piores clichês, absurdamente previsível. Um livro pavoroso, corra dele! Dentre tantos livros de anjos, um dos piores! 


              
           
              COMENTE NO POST, DEIXE SEU LINK QUE IREI RETRIBUIR O COMENTÁRIO!


* Caso queira saber mais sobre algum livro é clicar no cada título do livro que está em roxo e negrito que você será redirecionado á sua página no skoob!

12 comentários:

  1. hahahaha adorei o post :D


    Desses li dois - Pipas e Uivantes... li este último qndo era muito pequena pra entender :X

    Beijocas.
    Lariane - Leituras & Devaneios

    ResponderExcluir
  2. Ahh Gi, sorry, mas eu quero ler Halo hehe!
    Eu gosto de clichês e eu gostei de Crepúsculo ^^
    Vai que o livro funciona pra mim, né?

    Amo O Morro dos Ventos Uivantes e A Menina Que Roubava Livros!

    Preciso ler Caçador de Pipas e eu não conhecia essa trilogia!

    Beijão!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ok dona Aione, pois então leia Halo! Eu pelo menos não gostei, mas caso a senhorita não goste do livro nem adianta vir pro meu lado porque eu AVISEI que não era grande coisa! Quem avisa amigo é!!

      Excluir
  3. Uma amiga minha queria ler Halo KKKKK é melhor avisar a ela, antes que ela compre, leia e se decepcione KKK amei o post, o titulo realmente me chamou atenção, por isso vim ler tuuudo :)

    www.umlivroqueflutue.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Já li O Caçador de pipas e A menina que roubava livros e são realmente perfeitos!!FChorei de me acabar, principalmente no primeiro!
    Comecei a ler o Morro dos vento Uivantes mas ~parei~ não sei porquê!
    Essa trilogia nunca tinha ouvido falar, vou dar uma pesquisada agora mesmo kkk
    Mesmo sendo ruim temos que admitir que a capa de Halo é PERFEITA *-* Ps: não li uma história com anjos que prestasse até agora :s

    Beijo Gen favorita ever!!
    Brenda Lorrainy
    cataventodeideias.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O caçador de pipas e A menina que roubava livros são realmente perfeitos 2!! Adoro ambos, são diferentes, com muito drama e emoção no meio! A M O!

      Trata de ir AGORA lá na estante e resgatar O morro dos ventos uivantes porque você não pode deixar ele parado Bren! Persista! O livro é excelente!!!

      Excluir
  5. Quero ler Morro dos ventos uivantes muito e não sei chorei muito lendo A menina que roubava livro e não sei se quero repetir em Caçador de pipas.

    ResponderExcluir
  6. Não posso falar nada dos que foram indicados porque não os li, mas quanto a Halo eu concordo... Péssimo... Não reparei em semelhanças com Crepúsculo, mas concordo com todas as outras coisas que você falou... Livro bem sonsinho mesmo u.u

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que tudo que é clichê e já é batido, amassado e assado nessa literatura Halo tem. Tem gente que gosta, porém não me cativou! Uma peninha!

      Excluir
  7. Olá!
    Destes eu já li a menina que roubava livros, tenho vontade de ler O morro dos ventos uivantes e Halo.
    Bjinhs
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Falta só a Princesa Sultana para eu ler e depois eu posso morrer hahaahah

    ResponderExcluir
  9. "A menina que roubava livros" merece ser lido e relido. Um livro que tive de parar de ler umas 10 vezes, simplesmente pelo fato de ter ficado emocionado. Eu parava de ler, fechava o livro e sentia as lágrimas inundarem meus olhos. Quem espera encontrar nesse livro algo do tipo que tem de ser desvendado, melhor não ler, mas quem busca algo que toca no fundo da alma até os mais insensíveis, esse é o livro certo. Simplesmente genial.

    Plácido Rodrigues,
    Escritor e Professor de literatura.

    ResponderExcluir