Menu

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Resenha: A música que mudou minha vida

Autor: Robin Benway
Editora: Galera Record
Ano: 2009
Onde comprar: Submarino / Saraiva
Classificação: 4/5

Sinopse: A vida de Audrey Cuttler não tem sido a mesma desde que aquela música chegou ao topo das paradas. Ela só queria ir a shows, andar com seus amigos e, talvez, arrumar um encontro com o gatinho do trabalho, mas agora Audrey é... famosa! Tudo por causa da música que seu ex-namorado fez sobre o fim dos dois - o hit do momento = um desastre! Agora, está na hora da Audrey contar o seu lado da história.


Audrey é uma típica adolescente americana, é, talvez nem tão típica assim, enquanto as outras garotas estão preocupadas com roupas, com o baile de formatura, com ser popular, garotos, e todas essas coisas, ela só tem um único motivo para viver e sobreviver ao inferno que é o Sooper Dooper, a sorveteria em que trabalha: ir a shows ao lado da melhor amiga Victoria ( e o namorado da Vic) trocar o som do carro, que mais uma vez está estourada de tanta música alta e  comprar  muitos, mas muitos CDs de suas bandas preferidas. Quando Audrey vê que em seu namoro com Evan, os contras são mais numerosos que os prós e termina com ele, o pior acontece. O cara compõe uma música dedicada a ela, ou melhor, detonando ela sobre o fim do relacionamento deles e por incrível que pareça a irritante "Audrey Wait" e a banda do garoto, Do-godders vira sucesso em todo os EUA, aquele chiclete ( maldito), pensa em um sucesso alá Rebolation no Brasil, entendeu? E então sua vida muda completamente. Agora ela é famosa, seu nome está na boca do povo e vida normal passa longe dela! Paparazzis a cada esquina, autógrafos, fãs loucas e acusações a rodeiam! Ela enfim descobre um motivo maior que a música para viver:  provar que não é a bruxa má da história.... Será que ela consegue??
                                                          ------------------------------
 Todo mundo falava coisas lindas desse livro e eu sempre tive uma pulga atrás da orelha, foi quando acabei lendo para resolver esse problema e só posso dizer: UAU! A música que mudou minha vida não mudou minha existência como no título, mas minha opinião, sim, totalmente. Leve, extremamente divertido, para ler rápido e não desfazer o sorriso enquanto isso! Foi assim comigo e acredito, é assim com a maioria que lê esse livro! Já constatei! A estória me lembrou aqueles filmes da disney com a Hillary Duff, Lindsay Loham alá seção da tarde, só que com uma pegada um pouco mais pesada! O livro não poupa o leitor de palavrões etc e ironicamente, isso dá personalidade e não vulgaridade á obra, essa é uma das características marcantes da leitura, achei interessante!

 Audrey não é nem um pouco clichê, está bem longe de ser a mocinha santa tão encontrada nos livros, tem personalidade, é decidida, divertida, fala o que dá na telha e se permite fazer umas burradas de vez em quando! Resumindo, é uma pessoa real totalmente "encontrável" por aí!Preciso dizer que adorei? A narrativa é ela que faz e é tão demais como a mesma, cheia de humor, deixando cada toda situação hilária, me deliciei com isso, ri diversas vezes! Como se não bastasse criar uma personagem tão cativante como a Audrey ( e não basta mesmo) Robin criou Victoria. Pausa para a reverência! Ela não é menos rainha do que a Inglaterra não! Eis  uma das minhas queridinhas literária ever ever ever! Amiga para toda hora, impulsiva, atrapalhada, engraçadérrima, hilária, doida da cabeça, cabelo colorido, foda, cheia de atitude, e muitos outros adjetivos definem essa figura! Junto com a Audrey ela é um  luxo! Sério, amei a dupla!! Suas cenas são épicas! E ainda para me matar do coração, tem um garoto fofo,um namorado motorista, um chato charmoso que é maior problema, dois pais super legais e a gata mais Quero-para-mim do mundo, a Bendy

 Personagens, narrativa, cenas, tudo dez! Fico imaginando o quanto a adaptação para o cinema ia ser incrível! Com direito a uma trilha sonora divina e cenas que faria o cinema inteiro rir! Senhor Holliwood por favor adote A música que mudou minha vida! O livro ainda é lotado de referências e trechos musicais.Na verdade ele respira música! Audrey é da minha turma, dos completamente viciados em música, e tudo gira em cima disso. Afinal, A música foi quem virou sua vida de cabeça para baixo, não consegui para de ler e ir dormir enquanto lia, sinceramente, entrei na pela dela vivi as coisas inacreditáveis que ela passa! Odiei toda a fama de celebridade e o namorado chorão junto com ela!

Não sou das mais fãs de livros breves, com pouca história, fico sempre com vontade de ler mais e mais e acaba! Então por isso não dei 5 estrelas, deixo claro que isso não diminui o quão A música que mudou minha vida é fantástico! Só acho que poderia ter sido contado mais estória, ter sido criados mais capítulos. Se Robin escrevesse mais um livro sobre a Audrey, o Evan, amaria! Não deixem de ler, realmente recomendo, um livro que marca. Não por drama ou romance mas por uma estória jovem, regada a música e humor!! Resumo: Você simplesmente não pode terminar 2011 sem ler ! Falo sério!

5 comentários:

  1. Será?
    Sinceramente, estou querendo um livro que mude a minha vida (ou não, né).
    Quando você disse "leve", eu desanimei um pouco, mas quem sabe?

    ResponderExcluir
  2. Livros breves me dão uma dooor no coração... Acaba assim, simplesmente, e nos deixam órfãos.

    Ri com a parte do Rebolation. Acho que o livro deveria vir com o CD da música, ahaha!

    Beijos,
    Miriam.
    bookerqueen.blgospot.com

    ResponderExcluir
  3. Eu ADORO esse livro! É tão legal e divertido e ai... A Audrey é o máximo! E dá uma vontade louca de cantar todas as bandas legais que ela cita enquanto eu leio haha

    ResponderExcluir
  4. Oi Gi!
    Sei que você não é super fã desse tipo de livro, então o fato de você tê-lo amado só aumentou a minha vontade de lê-lo!
    Já ouvi vários comentários positivos sobre ele e, como você sabe, eu amo livros assim ^^
    Beijão!

    ResponderExcluir
  5. Todas as resenhas que leio sobre esse livro são super positivas.

    Comprei por R$5 na Bienal. Acredita?

    Espero conseguir ler em breve... A fila é gigante!

    Beijos!

    Mari | http://brincandocomlivros.blogspot.com/

    ResponderExcluir