Menu

quinta-feira, 7 de março de 2013

Garota Retrô: Filmes vintage que eu amo!

Que saudades que eu estava daqui, meu cantinho! Essa vida de vestibular não é fácil viu! Sou maníaca assumida por tudo que é vintage, depois da leitura os filmes são minha forma favorita de viajar no tempo pelas mais fascinantes épocas. Passo horas e horas pesquisando e vendo filmes de décadas atrás ou até mesmo recentes, mas que sejam ambientados no passado. Tanto amo esse passatempo que resolvi compartilhar com vocês alguns dos filmes vintage que eu amo de paixão! :)


                           1.Anastásia                       1. Anastásia

Revolução russa é um tema que sempre me interessou, já li vários livros sobre e nunca me canso. Anastásia é um filme de animação baseado na história de uma das mais famosas personagens da Revoluçao: Grã-Duquesa Anastásia Romanov. Durante anos correu a lenda de que ela teria sobrevivido ao massacre, onde perdera toda a família, tornou-se um dos maiores mistérios do século XX. No filme, diferentemente,  a princesa é deixada para trás ao tentar fugir com a avó dos revolucionários. Anos mais tarde, uma jovem mulher sai de um orfanato em busca de sua família e acaba esbarrando no pilantra Dimitre que a convence a participar de um golpe, fingir ser a princesa Anastásia para enganar a velha avó da desaparecida. O que Dimitre não contava era que a verdadeira princesa pudesse se revelar ante seus olhos. Annia

O filme é lindo e emocionante, vários elementos da história real como o terrível Rasputin foram inseridos e deram um charme a trama. Annia e sua jornada em busca de quem realmente é, sua descoberta do amor, marcaram minha infância, assim como a trilha sonora perfeita. Animação histórica linda de morrer, diversão e história lado a lado, vale a pena!


                                                                     2. Moulin Rouge

1900. O cabaré Moulin Rouge é palco de ardentes paixões, ódio, e é nesse famoso ponto de Paris que nasce a trágica história de amor entre a estrela do local, Satine e o inocente Christian. Exagerado, surreal, intenso, Moulin Rouge é um dos meus filmes favoritos. O que senti assistindo-o, é uma emoção que acontece uma vez na vida outra na morte. Tem o que chamo de atmosfera única, coisa rara de se encontrar em livros e filmes, uma personalidade marcante que me deslumbrou desde os primeiros minutos de filme. O musical escêntrico, esbanja sensualidade, luxo, magia. A trilha é variada, e vai de Madonna a Elton John, Come What May, é uma das músicas que mais amo na vida! Assistam ainda há Nicole Kidman incomparável como Satine! <3
                       

                                                   3. Nosso amor de ontem

Se tem uma artista que  admiro é Barbra Streisand, cantora, lenda do cinema. Sou fã! Dentre os vários filmes dela que já vi, o que mais amo é Nosso amor de ontem, ou The way we were que conta a história de Katie e Hubble. Nos anos 30 ainda na faculdades eles se encontram, mas é alguns anos depois que o amor surge entre a comunista judia e o escritor, típico americano perfeito. Juntos eles vivem um amor inesquecível e cheio de barreiras, suas próprias diferenças. Não sou só eu que amo esse filme, Carrie de Sex and the city também! Na série rolou uma cena inspirada no filme super legal.Mas o que falar dessa belezinha? Tocante, belo. Barbra transborda emoção, sofri com ela, suas cenas são primorosas, marcantes.  Nosso amor de ontem me lembrou Um dia. Duas pessoas tão diferentes que acabam se apaixonando, Katie tal como Emma é a mocinha desengonçada, cheia de ideais, Hubbel tal como Dex é o cara popular, lindo, o perfeito americano da época ( já isso Dex não é.) O filme te faz refletir sobre o amor, será que ele sozinho é capaz de superar as diferenças, formas distintas de ver o mundo? Pura emoção, traz uma bonita e  realista história. A trilha, The way we were virou um dos clássicos de Streinsand ( inclusive no Oscar desse ano ela cantou a música! )
                                                     4. Piaf - Um hino ao amor

Quer ver um filme que te deixe sem fôlego? Então veja o premiado Piaf - Um hino ao amor. O filme retrata magistralmente a vida da cantora francesa Edith Piaf, morta em 1963. É tão bom que chega a ser assustador. A fotografia é bela e  pesada assim como a história de Piaf. Marion Cotillard com toda certeza incorporou a própria Edith pois em suas caras e bocas a cantora renascia, estava ali, viva. Também é um dos meus filmes preferidos, por causa do drama, da intensidade sem igual, mereceu o Óscar que ganhou! A vida de Piaf é dura e sofrida desde a infância, abandonada pela mãe, viveu nas ruas, no prostíbulo da avó, ficou cega na infância, perdeu a filha , seu grande amor era casado e faleceu tragicamente... 

Basicamente ela morreu de tanto desgosto, de amor. Os diretores souberam aproveitar a história quase inacreditável de Edith, mixou com sua personalidade forte, melancólica e o resultado foi o longa, perturbador, extremamente emocionante. Brutal. Poderia citar milhões de motivos para assirtir ao filme: é um retrato muito bom de Paris  do século passado, é uma obra prima pois conhecemos mais do que a biografia de uma das maiores vozes francesas, conhecemos a alma, o coração de Edith Piaf.

   
Também indico os musicais: My Fair Lady, com o ícone Audrey Hepburn e o chiquérrimo O Fantásma da Ópera e suas músicas maravilhosas! Estão intimados a verem os infantis, O jardim secreto, é uma doçura só e traz várias lições ( inspirou um dos meus livros favoritos! ) e A invenção de Hugo Cabret que é mágico e encantador ao contar um pouco da história do cinema! E ainda há Perfume: A história de um assassino um suspense genial e aterrorizante! Gostaram das dicas? Comentem! :)


* Garota Retrô é uma coluna onde falo de livros, filmes e tudo que diz respeito ao universo antigo, vintage. *

4 comentários:

  1. Minha amiga, estás de parabéns!!! Tens muito talento para ser uma jornalista. Retrataste muito bem os filmes, a maioria dos blogs só passam a sinopse do filme mas você mostra muito mais do que isso, mostra como o filme afetou você, o quanto ele significa pra você, o que agrada muito a um leitor.
    Parabéns!!! Amei sua postagem!!!

    ResponderExcluir
  2. Sua linda, que saudades!
    Preciso rever Anastasia, já assisti, mas faz tanto tempo que não me lembro dos detalhes!
    Ahh eu quero muito assistir a Nosso Amor de Ontem, lembro dessa cena e eu e minha amiga ficamos querendo ver o filme!
    Moulin Rouge = ♥
    Beijão!

    ResponderExcluir
  3. De todos que você comentou, os únicos que vi até agora fora Anastásia e A Invenção de Hugo Cabret (por sinal amei os dois!), mas fiquei curiosa para assistir Perfume e Moulin Rouge, que sempre ouço falar.

    Beijos
    letrasecupcakes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Anastasia <3 Já perdi as contas de quantas vezes eu assisti.

    http://garotadasletras.blogspot.com/

    ResponderExcluir